was successfully added to your cart.

CONHEÇA AS 11 PRIMA BALLERINA ASSOLUTAS

By September 21, 2017Journal
Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

CONHEÇA AS 11 PRIMA BALLERINA ASSOLUTAS

Você já ouviu falar do termo Prima Ballerina Assoluta? Dentro de uma companhia de ballet, a principal bailarina é nomeada Prima Ballerina, mas algumas  se destacaram tanto em suas carreiras que conquistaram o posto de Prima Ballerina Assoluta. O título é tão único e especial que apenas 11 bailarinas receberam tal honraria em toda história. Nessa lista, vou contar um pouco mais para vocês sobre essas brilhantes bailarinas!

11. Anneli Alhanko

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

Com descendência finlandesa e nascida na Colômbia, Anneli Elizabeth Alhanko Skoglund se destacou e conquistou sua fama na Suécia durante sua passagem pelo ballet sueco. Foi a primeira bailarina a receber o título de “Dançarina da Corte” pelo rei Carl XVI Gustaf em 1990. Sua performance como princesa Odette em O Lago dos Cisnes é considerada uma das mais bonitas já feitas.
Foto: Jonas Ekströmer

10. Alessandra Ferri

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

A mais recente a entrar nessa lista, Alessandra Ferri conquistou o título em 1992. Estudou no The Scala Theatre, a mais famosa escola de ballet italiana. A bailarina conquistou a Ordem do Mérito da República Italiana, a maior honra que um cidadão italiano pode ganhar. Aposentou-se aos 44 anos, em 2007, do American Ballet Theatre (ABT). Mas, em 2016, retornou aos palcos para interpretar seu papel mais conhecido: Julieta.
Foto: Leslie Spatt

 9. Maya Plisetskaya

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

Maya Mikhaylovna Plisetskaya foi uma bailarina russa do Ballet Bolshoi. Teve uma infância trágica marcada pelo regime soviético stalinista, que executou seu pai e enviou sua mãe e irmão mais novo para um campo de trabalho. Maya, que foi criada por sua tia, juntou-se ao Bolshoi e fez sua estreia com apenas 11 anos. Com tempo e bastante dedicação, tornou-se solista e atingiu o posto de Prima Ballerina Assoluta. Ficou conhecida por levar coreografias modernas ao tradicional ballet soviético. Foi nomeada presidente do Ballet Imperial Russo, em 1996.
Foto: Richard Avedon

8. Mathilda Kschessinskaya

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

Nascida em 1872 e integrante do Ballet Imperial School da Rússia, Mathilda-Marie Feliksovna Kschessinskaya foi a segunda bailarina a receber esse título, porém sua nomeação foi recebido em meio à controvérsias. Pierina Legnani, única Prima Ballerina Assoluta até então, afirmava que Kschessinskaya não era digna de receber tal título e acreditava que ela só havia sido nomeada devido seu envolvimento com Tsar Nicholas II, da corte imperial russa. Mais tarde, já em Paris, ela treinou outras futuras Prima Ballerina Assolutas, como a magnífica Margot Fonteyn.

7. Galina Ulanova

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

É considerada uma das maiores bailarinas do século XX. Favorita do próprio Stalin, Galina se apresentou no Bolshoi Theatre durante 16 anos, incluindo o papel principal na estreia de Cinderella, de Serguei Prokofiev. Além de Prima Ballerina Assoluta, foi a única bailarina a receber o “Hero of Socialist Labour”, um importante título concedido pelo governo soviético aos artistas e personalidades que contribuíram com a economia e a cultura na Rússia. Foi uma inspiração para outras bailarinas, como Margot Fonteyn, e chegou a treinar Anneli Alhanko.
Foto: Acervo pessoal

6. Alicia Alonso

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

Única bailarina da América Central a fazer parte da lista, Alicia Alonso Martínez sofreu problemas de visão ao longo da carreira, o que demandou uma atenção especial de seus parceiros. Após operação para tentar recuperar (sem sucesso) sua visão, Alicia teve a ajuda do marido para aprender os passos de Giselle, que se tornou um dos maiores destaques de sua carreira, junto com sua versão do ballet Carmen. Em 1948, criou o Ballet Nacional de Cuba, que funciona até hoje.
Foto: The Scotsman Publications

5. Eva Evdokimova

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

“Tenho uma espécie de vida cigana”, dizia Eva Evdokimova. Filha de descendentes de búlgaros e norte-americanos, a bailarina nasceu na Suíça, passou algum tempo na Alemanha e estudou ballet em Londres, São Petersburgo e Copenhague. Eva acreditava que a passagem por diferentes escolas contribuíram para sua formação técnica, que unia a elegância do ballet russo, a vitalidade dos dinamarqueses e o brilho técnico do Royal Ballet de Londres.
Foto: Jean Pierre

4. Pierina Legnani

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

Primeira bailarina a ser nomeada Prima Ballerina Assoluta, a italiana Legnani tem um outro importante marco em sua carreira: foi a bailarina que conseguiu completar 32 fouettés en tournant (pirueta com perna esticada), movimento muito famoso na coreografia de O Lago dos Cisnes, pela primeira vez.

3. Phyllis Spira

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

Excepcional desde nova, a sul-africana Phyllis Spira era chamada por seus professores de ballet como “baby Markova”. Em 1984, recebeu o título de Prima Ballerina Assoluta da África do Sul. Dançou com a Cape Town City Ballet Company até uma lesão na noite de abertura do ballet Giselle, em 1988, quando foi forçada a se aposentar.
Foto: James de Villiers

2. Alicia Markova

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

Lilian Alicia Marks nasceu em Londres em 1910 e começou a dançar por recomendações médicas. Aos 14 anos, foi convidada a ingressar no The Ballets Russe. Foi nessa época que seu nome foi trocado para Markova, que soava mais russo. Desde então, ela se tornou uma das maiores bailarinas que já existiram, fundou a The Rambert Dance Company e ainda se apresentou em renomadas companhias como English National Ballet, Royal Ballet e American Ballet Theatre (ABT).
Foto: Serge Lido

1. Margot Fonteyn

Conheça as 11 Prima Ballerina Assolutas

O topo da lista é ocupado por Margaret “Peggy” Hookham, que também mudou seu nome, em busca de uma sonoridade mais romântica, e conquistou a admiração de todo o mundo do ballet. A bailarina adaptou o sobrenome do seu avô brasileiro (Fontes) e ingressou no Royal Ballet, onde permaneceu por toda sua carreira. Aos 42 anos, quando muitos apostavam em sua aposentadoria, surpreendeu a todos ao formar a brilhante parceria com o bailarino russo Rudolf Nureyev, de 24 anos, com quem dançou até os seus 60 anos. Margot Fonteyn é considerada a maior Prima Ballerina Assoluta que o mundo já viu!
Foto: Anthony Crickmay

 

 

 

 

 

 

Leave a Reply